Abandono nas rodovias estaduais são alvo de Napoleão Bernardes na Alesc

Não é de hoje que as péssimas condições das rodovias estaduais do Estado são um grande problema para os motoristas. E essa situação caótica e o abandono dessas vias por parte do Governo do Estado foram alvo de críticas na Assembleia Legislativa.

Através de um requerimento endereçado à Secretaria de Estado da Infraestrutura, o deputado estadual Napoleão Bernardes (PSD) cobrou investimentos na SC-108, entre Gaspar e Brusque, e na SC-477, em Doutor Pedrinho.

Esses trechos ficaram fora do programa “Estrada Boa”, que é o pacote anunciado recentemente pelo governador Jorginho Mello (PL) que prevê a aplicação de R$ 2,1 bilhões em obras de recuperação viária com prazo de término entre 24 e 36 meses.

Paralela à BR-470 e à SC-412, a SC-108 é uma importante alternativa logística de ligação entre o Alto e Médio Vale do Itajaí com o Litoral catarinense. Atualmente, o trecho da rodovia entre as cidades de Gaspar e Brusque está com o pavimento totalmente esburacado e necessita de manutenção urgente.

Já a SC-477 funciona como um corredor estratégico que liga o Vale Europeu com o Planalto Norte, atingindo diretamente mais de 2 milhões de pessoas. Em Doutor Pedrinho, a rodovia está totalmente interditada há mais de oito meses em virtude de rachaduras na pista (foto) por causa das fortes chuvas de 2022.

“O programa Estrada Boa é um grande acerto do Estado, porque mais de 70% das rodovias estaduais estão em situação vergonhosa, colocando diariamente em risco a vida de milhares de pessoas. Contudo, não é razoável que casos como esses das SCs-108 e 477 tenham sido excluídos do pacote de recuperações. Elas estão verdadeiros caos e precisam de atenção imediata! Por isso, protocolei o requerimento e farei as cobranças necessárias para que haja a inclusão delas no programa”, afirma Napoleão.

Esse programa vai investir R$ 2,1 bilhões para restaurar, implantar e revitalizar 1,5 mil km de estradas estaduais em 231 municípios que serão beneficiados em 60 rodovias.

TEV até R$ 500 mil sai nesse mês

O secretário da Fazenda do Governo do Estado, Cleverson Siewert, confirmou que a Transferência Especial Voluntária (TEV) de até R$ 500 mil será feita para os municípios catarinenses ainda nesse mês de agosto.

Depois da aprovação da TEV na Assembleia Legislativa, o Governo de Jorginho Mello confeccionou um Guia Prático que orienta os municípios no processo de solicitação de novos repasses, previstos no regime geral definido pela Lei.

De acordo com Siewert, o Governo tem R$ 900 milhões de transferências especiais para serem feitas de 600 processos de obras do extinto Plano 1000 das 295 cidades de Santa Catarina.

Metade desses 600 processos tem valor igual ou menor de R$ 500 mil e esses já serão feitos durante o mês de agosto.

Depois de passar pelas 21 associações de municípios com o programa “Santa Catarina levada a sério + perto de você”, Jorginho Mello se comprometeu a liberar R$ 425 milhões num primeiro momento, provavelmente até o fim de 2023.   

Adicionar comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

Acompanhe

Entre em nosso grupo do Whatsapp e nos siga em nossas redes

Patrocinadores