Investimentos em melhorias na BR-101 devem custar cerca de R$400 milhões

O senador Esperidião Amin participou na manhã desta quarta-feira, 13, em Brasília, de audiência com a Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) para tratar das obras e manutenção das marginais na   BR-101, no trecho entre Balneário Piçarras e o pedágio de Tijucas.

A reunião contou com a presença do diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, além de parlamentares catarinenses, prefeitos, vereadores e entidades da região da Foz do Rio Itajaí.

“Quanto à mancha de tráfego travado que nós sofremos entre Porto Belo e Piçarras, as obras estão alinhadas. Haverá uma reunião na Associação dos Municípios da Região da Foz do Rio Itajaí (AMFRI) para estabelecer as prioridades destas 10, 11 obras. Será um custo aproximado de R$400 milhões”, disse Amin.

O senador informou também que “nesta reunião será tratado do impacto dessas obras na tarifa, ou seja, vamos ter uma reunião para dar um despacho saneador no ponto de vista comunitário, político e de interesse na logística na região”.

Contorno Viário da Grande Florianópolis

Quanto ao Contorno Viário da Grande Florianópolis, Amin afirmou que já houve uma retomada nas obras que ainda não é satisfatória. 

“Ficou marcado para o dia 20 de outubro uma reunião com a presença do diretor-geral da ANTT, Rafael Vitale, em Santa Catarina, para estabelecer um novo compromisso tendo em conta o ritmo das obras que estão sendo retomadas. Sem se conhecer esse ritmo, ninguém pode se aventurar para falar em prazo. Portanto, Rafael Vitale inspecionará o Contorno e outras obras concedidas na região”, finalizou.

Adicionar comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

Acompanhe

Entre em nosso grupo do Whatsapp e nos siga em nossas redes

Patrocinadores