Jorginho Mello estará em Blumenau pela terceira vez em menos de dois meses

Na próxima segunda-feira, 25, o governador Jorginho Mello (PL) volta a Blumenau para participar da cerimônia de assinatura da ordem de serviço da obra de revitalização da margem esquerda do Rio Itajaí-Açu, na região central da cidade.

A solenidade está marcada para às 9h no Salão Nobre da Prefeitura, onde o governador e o prefeito Mário Hildebrandt (Podemos) assinam o documento que autoriza o início das obras.

Depois de muitos problemas com empresas que não conseguiram tocar a obra, a assinatura da ordem de serviço dessa obra é a concretização de um projeto que o blumenauense espera há mais de 10 anos.

“Uma obra esperada e cobrada há anos pela comunidade que, enfim, tiraremos do papel. E o apoio do Governo do Estado foi fundamental para que isso pudesse se tornar realidade e conseguíssemos devolver, de fato, o rio para a cidade. Por isso, fiz questão da presença do Governador Jorginho nesse momento importante”, destaca Hildebrandt.

A ida de Jorginho Mello para Blumenau pela terceira vez em menos de dois meses mostra que o governador quer sim ter alguém lhe representando na Prefeitura a partir de 2025. E ele deve voltar, pelo menos, mais uma vez durante a Oktoberfest 2023.

Os nomes do PL ventilados para a disputa de 2024 são do deputado estadual Ivan Naatz, do ex-prefeito João Paulo Kleinubing, das deputadas federais Júlia Zanatta e Daniela Reinehr e ultimamente apareceu também o nome do ex-deputado Ricardo Alba, que ainda está no União Brasil, mas já afirmou que deixará a sigla.

No momento, somente a vice-prefeita Maria Regina Soar (PSDB) é quem assume abertamente a pré-candidatura para a disputa nas eleições municipais do ano que vem, mas Jorginho Mello está de olho em tudo e certamente escolherá alguém.

Só não se sabe se esse alguém é para compor a chapa com a candidata de Mário Hildebrandt ou será para tentar tirar o grupo dele e ter a terceira cidade mais populosa de Santa Catarina como um dos pilares da sua reeleição, em 2026.

A nova Margem Esquerda

O parque linear na margem esquerda do rio Itajaí-Açu vai custar R$ 29 milhões, dos quais R$ 25 foram destinados pelo Governo do Estado e os demais R$ 4 milhões são contrapartida da Prefeitura.

O novo espaço contará com pistas de caminhada, ciclovias, mobiliário, iluminação e mirantes para a contemplação do rio e do centro da cidade. A obra de revitalização tem prazo de 12 meses de execução, a contar da data de assinatura da ordem de serviço.

Adicionar comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

Acompanhe

Entre em nosso grupo do Whatsapp e nos siga em nossas redes

Patrocinadores