Júlia Zanatta e Eduardo Bolsonaro vão para Washington denunciar violações à liberdade no Brasil

Nos dias 15 e 16 de novembro, a deputada federal Júlia Zanatta (PL) estará em missão na capital dos Estados Unidos com um grupo de Parlamentares de direita, liderados por Eduardo Bolsonaro (PL-SP), para denunciar, segundo ela, as violações à liberdade de expressão e liberdade em geral no Brasil.

Estão agendadas reuniões no Comitê Judiciário e na Comissão de Relações Exteriores Câmara. O grupo deverá se encontrar nessa quarta-feira, 15, com os congressistas republicanos Marjorie Taylor Greene, Jim Jordan e Michael McCaul, todos parlamentares ligados ao ex-presidente Donald Trump (Republicano).

Já na quinta-feira, 16, o grupo irá participar de uma visita à Heritage Foundation, fundação que promove políticas públicas conservadoras de livre mercado, liberdade individual, valores tradicionais e defesa nacional. Depois também haverá um encontro com membros da OAE (Organização dos Estados Americanos).

Júlia Zanatta tem sido uma das parlamentares mais combatentes ao governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e desde que assumiu, em fevereiro deste ano, tem participado das inúmeras CPIs instaladas na Câmara Federal.

Ela é próxima do ex-presidente Jair Bolsonaro e se diz bolsonarista de carteirinha. No governo anterior, ela era a coordenadora Regional Sul da Embratur (Agência Brasileira de Promoção do Turismo).

Adicionar comentário

Clique aqui para adicionar um comentário

Acompanhe

Entre em nosso grupo do Whatsapp e nos siga em nossas redes

Patrocinadores